Como escolher mesa de centro


A mesa de centro é um acessório à parte na decoração da sala de estar. Por isso ela deve ser bem escolhida e cada detalhe é importante na composição do ambiente. Não erre na escolha. Veja 3 coisas que você deve ficar atento ao escolher a mesa de centro ideal para sua sala.

  • o estilo do ambiente

  • o espaço disponível

  • a funcionalidade

 

Definindo o estilo

 

Em primeiro lugar, a mesa de centro deve “conversar” com o estilo escolhido na decoração. E para isso, não só o modelo deve ser levado em conta, mas o tipo de material, o formato, a cor e até altura.

Mesa de centro clean, de metal, por exemplo, são perfeitas para decoração com o estilo moderno e minimalista. Nesses casos, tampos de vidro e espelho são muito usados.

Peças com vários tampos e coloridos ficam perfeitas também com bases de metal e combinam com o estilo despojado. Nos três casos, o comprimento e a largura podem ser definidos de acordo com o tamanho da sala, porém a altura não deve ultrapassar 35 centímetros.

 

Mesa centro metal com vidro incolor

   Mesa centro em aço pintado e vidro incolor

Mesa centro inox com espelho

           Mesa centro inox com espelho

Ambientes clássicos e rústicos, embora bem diferentes, pedem móveis feitos totalmente com madeira maciça e ambos os estilos são enriquecidos com os detalhes dos adornos. A cerejeira e peroba rosa, respectivamente, são as principais madeiras usadas nesses estilos.

Na decoração romântica as cores claras é que personalizam o ambiente. Flores para sofás, almofadas e adornos e para completar o ambiente, móveis provençais de madeira.

 

 

O tamanho ideal

Depois de definido o estilo, outro detalhe muito importante é o tamanho. O ideal é que tenha espaço de, pelo menos, 60 centímetros entre a mesa de centro e os móveis que a cercam. A área de circulação precisa ser levada em conta na hora da escolha. Afinal, ninguém quer uma mesa maravilhosa, mas que vive machucando os visitantes!

Tamanho não é documento quando se trata de mesa de centro. Ela pode ser bem pequena e ainda sim ser linda. Os modelos com pés palito, por exemplo, são muito charmosos e possibilitam peças reduzidas sem perder a graça e elegância.

Mesa centro pé palito

    Mesa centro com pé palito e tampo colorido

Outra solução para espaços reduzidos são os puffs. Eles podem ser usados como mesas de centro, apoio e claro, como puff. Os caixotes, além de estarem super na moda e terem custo muito baixo, também são outra opção para salas pequenas.

Espaços amplos, claro, pedem mesas grandes e até duplas. Usar dois modelos iguais lado a lado fica muito imponente. Mesmo quando a sala não é tão grande assim, é possível usar duas mesas de centro. Nesse caso, o ideal é que elas tenham alturas e tamanhos diferentes. Quem sabe até tampos com cores diferentes!

Mesa de centro com três tampos

            Uma mesa, 3 cores e 3 tampos

Não é só um enfeite

Que as mesas de centro fazem toda diferença nos ambientes, todo mundo sabe. Mas elas não  desempenham só o papel de compor a sala. Além de fazerem uma perfeita composição com o sofá e a TV, por exemplo, elas podem servir de apoio e até de assento.

Como dito acima, os puffs são perfeitos quando há pouco espaço. Eles enfeitam a sala e podem ser retirados do centro com facilidade quando chegarem os amigos. Bancos também fazem o mesmo papel com muita graça.

Os modelos “ninho” também podem ajudar na hora de receber visitas. São lindos, despojados e se separam facilmente servindo de apoio em todos os cantos do ambiente.

Quando é o assunto é adorno, mesa de centro com tampo inferior e superior são perfeitas para colocar enfeites com alturas diferentes, principalmente quando os tampos são diferentes como espelho e cristal, por exemplo.

As opções de formatos, materiais, modelos e medidas são muitas. A melhor escolha, sem dúvida, é a que combina com você e sua casa!

 

Queremos saber o que você achou deste artigo. Deixe seu comentário! 😉

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *